Grão de Ouro
Olá! Será um prazer conversar com você!
 
 
 

Nutrição Animal

Área especializada na comercialização de produtos para nutrição animal. 
A área de Nutrição Animal, atende produtores em diversas regiões, especialmente no sul e sudoeste de Minas Gerais, Triângulo e Alto Paranaíba.

Com logística eficiente e profissionais experientes, a Grão de Ouro é referência em produtos de origem e qualidade e cumprimento de prazos e contratos.

 
Garantia de segurança e tranquilidade nas negociações, oferecendo modalidade spot e contrato.
 

Porque usar coprodutos?  

Devido às características únicas de seu sistema digestivo, os ruminantes conseguem transformar coprodutos da agroindústria em nutrientes destinados aos processos produtivos. Isto representa uma oportunidade para diminuir custos das dietas e melhorar o desempenho dos animais
Polpa Cítrica: Coproduto energético, obtido da fabricação de suco concentrado pela indústria citrícola. Possui alto teor de carboidratos solúveis e parede celular altamente digestível, além de apresentar elevado teor de pectina que é de rápida degradação ruminal. Substitui parte do milho e volumosos na dieta animal
Casquinha de Soja: Coproduto energético, obtido da fabricação do óleo e lecitina de soja pela indústria. Possui alto teor de fibra de alta digestibilidade que pode substituir parte do milho e volumosos na dieta animal.
Farelo de Soja: Coproduto proteico, obtido da fabricação do óleo e lecitina de soja pela indústria. Representa uma excelente fonte de proteína, tem boa palatabilidade com bom balanço de aminoácidos de alta disponibilidade, podendo ser usada como única fonte de proteína nas rações.
Caroço de Algodão: Coproduto proteico, obtido após a extração da pluma do algodão pela indústria. É um alimento único, pois fornece simultaneamente energia, proteína, fibra e fósforo em concentrações elevadas, sendo uma excelente opção para dietas de animais de alta produção.
DDGS de Milho: DDGS é um dos produtos obtidos da indústria de etanol de milho que vem se estabelecendo no Brasil.É um farelo proteico com uso consolidado há mais 25 anos, especialmente nos EUA, utilizados na alimentação de ruminantes e não ruminantes.
Farelo de Algodão 38 : Coproduto proteico, obtido do beneficiamento da semente de algodão pela indústria. Possui elevado teor proteico com baixa degradação no rúmen ( by-pass) e elevado teor de fósforo.
Também comercializamos Farelo de amendoim, casca de soja, torta de algodão.
 
 
Para maiores informações contate nossa equipe!
Nutrição animal de qualidade: conte com a Grão de Ouro
(35) 99995-0241 ou (35) 36981213